...

Conheça algumas dicas de implantação do marketing jurídico no seu escritório de advocacia

Como o marketing jurídico pode ser implantado no meu escritório de advocacia? Como aplicar as estratégias de marketing na advocacia objetivando conquistar novos clientes e ao mesmo tempo obedecer ao código de ética da OAB?

 Continue lendo e veja algumas dicas importantes para realizar esse processo no seu negócio.

Um dos temas mais falados e discutidos atualmente, tem sido a importância de empresas e marcas investirem e implantarem estratégias de marketing para garantir uma maneira segura de conquistar clientes e melhorar a comunicação e performance do negócio. Então, se você tem um perfil de advogado ou advogada empreendedor(a), adotar essa nova tendência e investir no marketing jurídico para o  escritório de advocacia pode ser um grande diferencial para alavancar o seu negócio e gerar resultados muito mais rentáveis.

O mercado jurídico atualmente está inserido em um cenário extremamente competitivo, diretamente relacionado à qualidade da prestação de serviços e, portanto, conquistar clientes para manter o bom funcionamento do negócio é crucial.

É importante se atentar quando falamos do marketing jurídico ao Código de Ética da OAB, que estabelece algumas limitações e regras voltadas à publicidade no direito. É permitido fazer marketing sim na advocacia, é necessário apenas, ter cautela com as estratégias e a forma como se realiza essa atividade.

Algumas dicas do que não é permitido pela OAB são: a divulgação de valores de serviços ou as formas de pagamento, uso de meios promocionais, promessas de resultados, divulgações em rádio, tv, outdoors e outros.

Algumas dicas de como realizar com sucesso o marketing jurídico no seu escritório:

1. Escolha o público alvo do seu negócio

Quanto mais você conhecer e informações tiver do seu público-alvo, maiores as possibilidades do seu planejamento de marketing dar certo. Então inicie analisando as rotinas e costumes de seus clientes atuais e tente encontrar um padrão de comportamento. Dessa forma você poderá definir melhor as estratégias de marketing para seu escritório de advocacia.

Uma técnica importante é a coleta e montagem do perfil do cliente para uma análise realista e concreta do que pode ser feito para alcança-lo. Levante os seguintes dados:

  • Nome do seu potencial cliente;
  • Área de atuação;
  • Estado civil;
  • Se tem ou não filhos;
  • Nível de escolaridade;
  • Renda mensal;
  • Preferências e objetivos de vida;
  • Hábitos de consumo;

Tendo esses dados em mãos traçar o perfil e direcionar as estratégias de uma forma mais assertiva fica muito simples e o seu objetivo de fechar um negócio pode ficar muito mais próximo.

2. Estabeleça metas

Faça um planejamento! Antes de tudo, antes de agir, é fundamental traçar os objetivos da sua estratégia, ou seja, quais resultados deseja atingir, em quanto tempo, quais os meios serão utilizados e os passos a percorrer.

Para garantir um planejamento assertivo é importante conhecer os resultados financeiros e métricas do seu escritório. Defina metas mensais e realize o acompanhamento para que tudo seja factível e sua equipe esteja sempre motivada para atingir o objetivo.

Um bom exemplo é quando a empresa trabalha com metas mensais. Traçar um objetivo de prospectar novos 180 clientes no ano pode não ser o ideal, pois a equipe pode ficar receosa em função da meta alta ou provocar uma folga e comodidade, por ter um tempo longo para que seja alcançada. Ao invés disso então, traçar uma estratégia de conquistar mensalmente 15 clientes pode ser mais motivador e gerar um trabalho e dedicação mais constantes com resultados mais seguros.

Após a definição das metas é hora de traçar as atividades para atingi-las. Nesse caso defina seu objetivo e as métricas que medirá o atingimento dele.

Com esses critérios definidos sua estratégia de marketing fica mais palpável e atingível.

3. Defina os meios

Um passo importante para implementar o marketing jurídico em seu escritório de advocacia é a definição dos meios digitais que serão utilizados.

Avalie a plataforma digital de atendimento ao cliente. É preciso ter uma frequência nesse atendimento e mostrar-se disponível e acessível sempre. Busque um canal visado pelo consumidor e onde ele estará presente.

Portanto, conheça e avalie o canal ideal para o seu negócio, pois consistência e relevância são fundamentais no processo de marketing.

4. Crie Informações importantes

Provavelmente um site, uma rede social está dentro dos seus canais de comunicação escolhidos, assim sendo, conteúdos interessantes é um item fundamental para alimentá-los, pois em um conteúdo relevante a necessidade e o interesse do cliente podem ser “despertados”.

Avalie o que os seus clientes desejam “consumir” e crie assuntos e conteúdo a partir dessa avaliação. O advogado e a advogada muitas vezes não têm noção do valor agregado ao serviço que essa atividade gera!!!

5. Mapeie suas tarefas e ações

Após estabelecer e compreender os seus objetivos, analisar o público-alvo e definir os meios digitais, o próximo passo é mapear as ações de marketing.

Destaque as atividades rotineiras e eventuais, defina responsabilidades e determine prazos para todas as tarefas.

Esse passo é fundamental para o sucesso da sua estratégia. Se ampare com o uso de ferramentas que auxiliam na organização e gestão das atividades do escritório, para facilitar a execução do trabalho de marketing. Uma opção interessante pode ser contratar uma agência ou profissional especializado para cuidar dessa implantação para você.

6. Defina seu foco

Estabelecer sua área de atuação é muito importante para definir seu foco e não sair “atirando para todos os lados” e consequentemente perder tempo e dinheiro.

Divulgue sua área de atuação e com ela determinada, você conseguirá atingir assertivamente o público correto, além de se tornar e tornar a sua equipe especialistas em uma área, o que gera maior conhecimento, domínio e qualidade na prestação dos serviços.

Com tudo que foi relatado, ficou claro os benefícios do marketing para os escritórios de advocacia:

  • Conseguir mais clientes e novos negócios: desde que o escritório possua uma estratégia de marketing assertiva é possível atrair novas pessoas interessadas em seus serviços e gerar novos negócios a partir da carteira de clientes que já possui;
  • Aperfeiçoar o relacionamento com o cliente: executar um planejamento de marketing aproxima os clientes do negócio e estabelece relações duradouras e mais sólidas;
  • Crescer e solidificar: investir no marketing jurídico é uma forma inteligente e assertiva de acelerar e garantir o crescimento do escritório.
  • Competir no mercado jurídico: Nos dias atuais o profissional precisa estar preparado, não é fácil iniciar e se manter no cenário atual. Por este motivo trabalhar a imagem do escritório é fundamental para a reputação no mercado.

Gostou do tema de hoje, com dicas de como implantar as estratégias de marketing jurídico no escritório de advocacia? Se sim, deixe seu like e ainda compartilhe com os colegas de profissão que ainda não conhecem ou não investiram nessa inovação.

Quer continuar por dentro de tudo sobre o Mercado Jurídico? Cadastre seu e-mail para receber nossas informações rapidamente e acompanhar todos os conteúdos disponibilizados sobre o cenário jurídico.
Acesse também o nosso blog e fique totalmente por dentro das novidades!

Para conhecer mais sobre a Ultimatum, uma empresa que respira advocacia 24 horas por dia, com a missão de tornar  o dia a dia do advogado muito mais fácil e simples, acesse nosso Site e nossas redes sociais: Facebook, Instagram e LinkedIn.

Muito obrigada pela sua atenção e até a próxima!!!  😊

Share this post on:
Redatora Especializada em Gestão Jurídica

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Siga-nos

Fique por dentro das novidades, lançamentos e muito conteúdo útil para o seu dia a dia.

Siga-nos

Fique por dentro das novidades, lançamentos e muito conteúdo útil para o seu dia a dia.