...

Como Criar uma Marca De Sucesso na Advocacia

A criação de uma marca é a criação de uma identidade. Sendo assim, pensando no mundo corporativo, a criação da sua marca é a forma como ela será reconhecida no mercado. No desenvolvimento deste processo, é muito importante que a marca escolhida traduza exatamente a imagem que você deseja passar para o público.

Em geral, a logomarca é formada por um nome e um símbolo. As pesquisas de mercado e de público-alvo são fontes de criação, permitindo que ela ganhe uma identidade e seja a tradução da imagem do seu negócio.

Apresentaremos neste artigo, critérios essenciais para repensar sua marca ou cria-la. Este trabalho provavelmente não será feito diretamente por você, pois o ideal, é que um profissional da área o faça, entretanto, será de suma importância para que você conheça os elementos fundamentais para a criação de uma marca de sucesso, e assim, acompanha-lo nessa jornada.

1- Trace sua estratégia de negócio

  • O escritório jurídico/advogado trabalhará com um perfil de mercado com valores mais baixos, focando em um público de menor poder aquisitivo;
  • O escritório jurídico/advogado trabalhará com um perfil de mercado voltado para um público com poder aquisitivo mais alto e seus serviços terão maior valor.
  • O escritório jurídico/advogado trabalhará o uso de uma das duas estratégias descritas acima em um segmento específico do mercado.

Primeiramente defina a estratégia do seu negócio, em sequência, siga os passos abaixo.

2- Defina seu público-alvo

Para quem você ou seu escritório jurídico deseja oferecer seus serviços? Com base na estratégia traçada, defina o segmento de clientes a quem seu escritório direcionará seus esforços de captação. É preciso conhecer hábitos de consumo, dados demográficos, preferências e comportamento do público alvo.

3- Crie uma personalidade

A personalidade ou “persona” é uma representação fictícia de um cliente típico de seu escritório, que pode ser criada a partir da pesquisa do público-alvo. Não necessariamente essa persona será única, uma marca pode ter diversos perfis de cliente, porém, com a definição das personalidades – com nome, idade, preferências pessoais, crenças, valores e hábitos de consumo – fica mais fácil entender o perfil, comportamento e necessidades de seus clientes e consequentemente criar uma marca com muito mais assertividade.

4- Apresente seu posicionamento de forma clara e transparente

Posicionamento é o “lugar” que uma marca ocupa nos corações e mentes de seus clientes. O que sua marca e seu negócio ofertam de diferente do restante do mercado, para que ela seja preferência? O posicionamento caracteriza um benefício ou habilidade em que seu escritório seja superior, como qualidade, atendimento, tecnologia, conhecimento, agilidade e outros. Um exemplo clássico de posicionamento, baseado na qualidade, pode ser visto no slogan da Bayer (empresa de medicamentos): “Se é Bayer, é bom”.

Muitas empresas usam causas sociais e políticas para reforçar o posicionamento de sua marca, gerando assim, uma grande aproximação com seus clientes.

5- Crie a personalidade de sua marca

Após a definição da estratégia, do público alvo, do perfil do cliente, é possível criar uma marca de sucesso de forma mais assertiva. Antes de definir logotipos e nomes, é necessário idealizar a personalidade da marca. Essa personalidade, é o conjunto de características humanas que podem ser associadas a ela, como confiança, inteligência, carinho, acolhimento e outros. Um exemplo de uma marca que apresenta uma personalidade acolhedora e carinhosa, é a marca Ninho, fielmente apresentada em seu logotipo, onde uma ave alimenta cuidadosamente seus filhotes.
Com certeza, é um dos itens de maior força e relevância que geram conexões emocionais e identificação com o público alvo. Ela, é a responsável por personalizar valores e causas, em que seus clientes acreditam profundamente e estão dispostos a defender e usar.

6- Estabeleça sua proposta de valor

A proposta de valor envolve muito mais que características, habilidades e benefícios. É o seu diferencial. A proposta de valor é o porquê sua marca e seus serviços foram escolhidos pelo público alvo. Um exemplo, é a Nike e seu slogan “Just do It”. A proposta de valor dela é uma experiência de alta performance. O restante das características do produto, como beleza, conforto, durabilidade são secundários. A proposta de valor é ajudar seus consumidores a alcançarem seus objetivos esportivos.

7- Escolha o nome

Sem dúvida alguma, o nome é o elemento primário que ativa a lembrança da marca. Na escolha dele, é preciso pensar em algo que trará associações fortes, favoráveis e exclusivas, seguindo todos os conceitos citados acima. A tendência é usar nomes curtos, de fácil escrita e pronúncia. Antes do lançamento da marca, é importante fazer um teste de conceito do nome, assim como do logotipo e do slogan.

Powered by Rock Convert

8- Defina o design do logotipo

O logotipo é outro elemento da marca que está totalmente relacionado à lembrança do cliente e à diferenciação da concorrência.
Os elementos importantes em um logotipo, são as cores, as formas, a tipografia (letras) e os símbolos.
Algumas logos, usam exclusivamente símbolos, como a Apple, outros usam apenas tipografia, como a Coca-Cola, e outras ainda, conseguem transformar a tipografia de um jeito, que ela se torna um símbolo, como é o caso da Volkswagen.

9- Defina o slogan

O slogan é uma frase curta, de impacto, na maioria das vezes usada com o logotipo, e que apresenta o posicionamento da marca. Um exemplo de sucesso total em criação de uma marca, é sem dúvida alguma, a Coca-Cola. Ela desenvolve novos slogans com frequência, sempre fazendo pequenos ajustes em seu posicionamento, para lançamentos de campanhas publicitárias globais.

É fundamental que se entenda, que não há como criar uma marca de sucesso sem avaliar conceitos e elementos ao longo desse processo de construção. O ideal é que profissionais especializados sejam contratados para realizar essa missão para o seu negócio. Isso pode ser feito de forma simples, rápida e com investimentos acessíveis, diferente do que muitos imaginam.

Vale a pena investir neste conceito. Um dos slogans que mais ouvimos é: “A propaganda é a alma do negócio”. E tenha certeza disso! Mas não esqueça, um bom planejamento, ajudará a construir e manter uma marca na memória do público.

Gostou do nosso artigo? Se você gosta de leituras como essa, que agregam valor ao seu negócio, recomendamos alguns conteúdos que podem te interessar:

Legal Design: Entenda essa revolução no mundo jurídico

Entenda Como Fazer Marketing nas Redes Sociais

Empreendedorismo na Área Jurídica

Ações que geram novos negócios e captam novos clientes para seu escritório jurídico

Agora é a sua vez! Se gostou deste artigo, deixe seu Like e compartilhe conosco, escrevendo em comentários, sua experiência sobre a criação da sua marca. Vamos adorar saber!!!!

Muito prazer, somos a Ultimatum! Uma empresa especializada em Desenvolvimento de softwares jurídicos há mais de 20 anos. Prestamos serviços de qualidade para aperfeiçoar a gestão, aumentar a produtividade e rentabilidade dos advogados. Temos três softwares no mercado: o Unique, voltado especificamente para o acompanhamento de publicações dos diários oficiais, o Sinapse, criado para atender as necessidades dos advogados autônomos e  pequenos escritórios; e o Nexus, focado em médios e grandes escritórios/departamentos jurídicos. Continue por dentro de tudo que envolve o Direito, inovação, gestão e novas tecnologias, acessando o nosso Site Oficial. Siga-nos no Facebook, Instagram e LinkedIn e acompanhe nossos conteúdos para se manter atualizado.

Até a próxima 🙂

Share this post on:
Redatora Especializada em Gestão Jurídica

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Siga-nos

Fique por dentro das novidades, lançamentos e muito conteúdo útil para o seu dia a dia.

Siga-nos

Fique por dentro das novidades, lançamentos e muito conteúdo útil para o seu dia a dia.